Consultora de organização residencial e empresarial

24 de junho de 2015
por Ana Afonso
comentários

Mitos da limpeza doméstica – mistura de sabão em pó e água sanitária serve para tudo

Muitas vezes empregamos métodos de limpeza por força de hábito – adotamos os das nossas mães, aprendemos com empregadas da casa, não lemos os rótulos dos produto –  e  por falta de tempo de descobrir novas tecnologias (sim, limpeza tem tecnologia –  os produtos mais eficientes, eletrodomésticos inteligentes e características dos novos materiais que revestem nossas casas).

Segue o primeiro de uma série de mitos que sempre desfaço  nos treinamentos de organização doméstica que realizo.

Mito #1 – Misturar água sanitária e sabão em pó é a melhor solução para a limpeza de qualquer ambiente.
                                                                                      Não!!

tirar-manchas-boxe1

Quando misturamos  sabão e água sanitária eles  se neutralizam e portanto o processo de limpeza fica menos eficiente.
Além de ser necessário empregar mais energia nos procedimentos de esfregar ainda é preciso utilizar um volume de água maior para remover os resíduos o que significa desperdício de produtos químicos e de um dos recursos naturais mais escassos atualmente.
Outro efeito negativo é a eventual liberação  de gás tóxico resultante da reação química que pode causar problemas respiratórios e mal estar em quem estiver realizando o processo de limpeza.(*)
O correto portanto é a utilização de produtos específicos para limpeza pesada de superfícies, os desengordurantes sem enxágue  e removedores de manchas e desinfetantes.

Anote:

Água sanitária: pode ser utilizada para limpar pisos laváveis e superfícies azulejadas porém nunca deve ser misturada com outro produto de limpeza.
Sabão em pó: deve ser utilizado na lavagem das roupas, conforme orientações e indicação dos fabricantes.

 

* Fonte toxicologista Daniel Rebouças, Centro de Informações Antiveneno (Ciave), da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia

15 de junho de 2015
por Ana Afonso
comentários

Participação na 2a. Conferência Int. Personal Organizer Brasil

Em 13 junho, em São Paulo, aconteceu a 2a. Conferência Internacional Personal Organizer Brasil, com mais de 600 participantes. O Ana Afonso Organizer não poderia faltar.

2

1

3

Interação, troca de experiências, parcerias.

5

Programação

Painel Cases de Sucesso Personal Organizers
Painel Pergunte ao Personal Organizer

Palestrantes:

Helena Alkhas / Compartilhando estratégias para atrair clientes
Conrado Adolpho / Empreendedorismo e Marketing
Christian Barbosa / Produtividade
Micaela Goes / Santa Ajuda, GNT
Malu Monteiro /   Liderança e Carreira

 Entertainer – Fábio Lins

Expositores e Patrocinadores

9 de junho de 2015
por Ana Afonso
comentários

Esquenta para 2a. Conferência Internacional Personal Organizer Brasil

Vamos fazer um esquenta da Conferência?

Quem estiver em São Paulo nos dias que antecedem a Conferência e quiser me encontrar para uma troca de informações envie e-mail para contato@anaafonsoorganizer.com.br.

Participando  do evento que vai reunir os profissionais e  experts em organização no Brasil.

13 de junho de 2015 – Maksoud Al. Campinas, 150, São Paulo.

 

selo-assista-ana-afonso

3 de junho de 2015
por Ana Afonso
comentários

Portal Bbel – Como organizar armários sem porta

Minhas dicas na matéria do Portal BBel – Como organizar armários sem porta

21/05/2015 – Equipe BBel

Armários abertos exigem critério, disciplina e periodicidade na arrumação e limpeza. Cuidando bem, sem dúvida ele estará sempre arrumadinho e bem bonito. Veja como organizar armários sem portas no quarto, cozinha e no banheiro.

Armário de roupas sem portas

Closet

Tálita Gonçalves

  • É necessário mais cuidado para deixar o armário simétrico e clean;
  • As roupas devem ser penduradas em cabides iguais, eles até podem ser coloridos, mas o ideal é que o modelo seja padronizado;
  • Separe por estação: inverno e verão;
  • Separe por cores: da mais escura para a mais clara ou vice versa;
  • Pendure casacos mais pesados, calças de lã, alfaiataria, além de saias, vestidos e peças longas;
  • O ideal é pendurar cada peça em um cabide para não marcar o tecido e atrapalhar a localização;
  • Nas prateleiras guarde malhas, suéteres, calças jeans dobradas, camisetas, moletons e abrigos de modo geral;
  • Se o armário em questão não tiver gavetas, as roupas íntimas e meias merecem uma caixa organizadora, sempre com furinhos, para que a roupa possa “respirar”;
  • Echarpes, xales e cachecóis podem ser pendurados ou armazenados em caixas organizadoras com “respiração”;
  • Sapatos podem ficar organizados com os pares e com a parte do calcanhar para fora. Outra opção são as caixas organizadoras, que podem ser colocadas em prateleiras ou embaixo da cama;
  • Utilize capas de TNT para proteger as roupas mais delicadas. Escolha capas da mesma tonalidade, já que elas estarão à mostra;
  • Use diariamente um espanador de pó eletrostático nos armários e passe um pano bem torcido pelo menos 1 vez por semana, e uma vez a cada 40 dias dê uma geral. Lembre que os cabides precisarão ser limpos também!

Dica esperta da BBel

Guarde as roupas que estão fora da estação em caixas organizadoras ou até em malas no alto do armário assim, as roupas em uso vão ficar menos apertadas e será mais fácil manter o armário organizado.

Armários sem porta na cozinha

Utensílios na cozinha

Daniel Mansur

Devido ao preparo dos alimentos, alguns cuidados devem ser redobrados, como a limpeza mais frequente.

  • Potes de mantimentos devem estar bem fechados e mais acessíveis. Vale investir em potes coloridos, estampados ou ainda etiquetados. Cestinhas para temperos é opção charmosa;
  • Louça do dia a dia: deixe exposta a quantidade para os moradores e não todas as peças do jogo. Em lojas de departamentos é fácil encontrar aramados específicos para a organização desses itens.
  • Dependendo da sua disponibilidade para organizar, estude a possibilidade de adotar uma cortininha que combine com o restante da decoração.

Dica esperta da Bbel

Se optar por armários abertos na cozinha, evite frituras, pois os itens guardados ficarão impregnados de gordura.

Cestas no banheiro

bhg.com

Armário sem porta no banheiro

  • Utilize cestas para organizar por grupos, por exemplo: coisas de cabelo, maquiagem, remédios, produtos de higiene, entre outras opções. As cestas podem ser coloridas para facilitar a visualização, mas também de uma cor só para manter a harmonia.
  • Deixe visível apenas os produtos de uso frequente, o restante pode ficar em caixas organizadoras.
  • O estoque de papel higiênico deve ser protegido da umidade em uma caixa organizadora ou na própria embalagem plástica.
  • Deixe no banheiro apenas um jogo de toalhas de banho para troca semanal. Evite acúmulos.

* Dicas das organizadoras: Bebel Marrey Ferreira, Adriana Saade, Ana Afonso e Ingrid Lisboa.

http://bbel.uol.com.br/organizacao/post/sua-casa/ambientes/como-organizar-armarios-sem-porta

1 de junho de 2015
por Ana Afonso
comentários

Como proteger as cortinas na hora da limpeza dos pisos

Observando e sempre aprendendo: enquanto aguardava no saguão do prédio da cliente, o pessoal da limpeza cuidava para que as cortinas (o pé direito do hall tem mais de 10 m!) não se sujassem no processo de limpeza do piso.

A solução? Um saco de tecido, com tiras laterais para amarrar e mantê-las limpas e sem amassados durante o procedimento!

Veja o vídeo.

 

26 de maio de 2015
por Ana Afonso
comentários

Minhas dicas no Bolsa de Mulher – limpeza da máquina de lavar

Como limpar a máquina de lavar: dicas necessárias

por Redação

A utilização frequente da máquina de lavar roupas faz com que o aparelho acumule a sujeiras das peças, fiapos e partículas de tecidos e resíduos de produtos químicos que, com o tempo, pode prejudicar a eficiência e até mesmo danificar o eletrodoméstico. A boa notícia é que é fácil evitar o problema com medidas simples de limpeza.

 

Segundo a especialista, para limpar a lavadora de roupas, deve-se despejar meio litro de água sanitária e ligar o aparelho (vazio, é claro) no ciclo de lavagem normal com o nível de água mais alto. “Quem não quiser usar água sanitária, pode substituí-la por um copo de vinagre de álcool”, ensina Ana.

A personal reforça também que o filtro onde ficam retidos os fiapos que se soltam das roupas deve ser limpo a cada 15 dias. “Essa peça deve ser lavada apenas com água corrente”, afirma.

Reprodução : Bolsa de Mulher – Casa – http://www.bolsademulher.com/casa/como-limpar-a-maquina-de-lavar-dicas-necessarias

 

21 de maio de 2015
por Ana Afonso
comentários

Treinamento de empregados da casa: o uso dos equipamentos de segurança

Em alguns treinamentos em domicílio que realizo uma das dificuldades é o uso do uniforme  pela empregada porém  quando escolhido em comum acordo e com a orientação de que facilita a atividade e poupa as roupas do empregado é superada.

Uma outra dificuldade e ainda comum por mais estranho que possa parecer é a empregada/arrumadeira executar algumas tarefas descalça!

 

limpeza 3

A limpeza em  pisos e  áreas molhadas nunca deve ser feita por uma pessoa sem calçados.

É obrigação da/do empregador fechar questão nesse sentido. Mesmo vivendo num país onde a maior parte do tempo o clima convida ao não uso de sapatos, na execução de tarefas deve-se sempre atentar para os perigos de um escorregão principalmente em pisos molhados, ensaboados  dos ambientes como banheiros e cozinhas.

 

limpeza 2

Com relação às obrigações trabalhistas, o empregador deve fornecer sempre equipamentos de segurança(os IPIs trazidos da indústria para a residência): sapatos,chinelos antiderrapantes que se prendam bem aos pés, sapatilhas, tênis  ou galochas assim como  luvas para utilizar produtos de limpeza, escadas para alcançar locais mais altos, etc. O que contribuir para evitar acidentes deve ser adotado.

 

limpeza 1